domingo, junho 12, 2005

Vários detalhes...

Escrito por Elise às 10:32 da manhã

14 Comments:

Será que poderemos dizer que o povo está a sair à rua para se manifestar?

Será que agora não vão ser os militares?

Será que finalmente o povo se está a rebelar, pelo esquecimento a que está votado?

Será que é desta vez que o Governo irá acordar?

Um abraço ;-)
Anonymous Menina_marota, at junho 12, 2005 10:48 da manhã  
Eu espero que tomem medidas politicamente incorrectas. Antes que seja tarde demais.

Não quero milícias populares, nem confrontos que envolvam a extrema direita. Essa não é a solução!
Blogger Elise, at junho 12, 2005 11:05 da manhã  
Não te preocupes. Já começam a ir ao bolso de alguns tubarões. E dessa forma vai aparecer a vontade política para resolver estes problemas!
Blogger Dragonesso, at junho 12, 2005 11:56 da manhã  
na Quarteira não aconteceu NADA. Só foi noticia por ter existido carcavelos.
E um dos motivos porque não aconteceu nada é que o dispositivo policial funcionou perante um grupo reduzido.
Agora quem pensa que resolve isto só com a policia engana-se.
mocho
Anonymous Anónimo, at junho 12, 2005 3:14 da tarde  
Ir com as crianças para a praia sob a guarda de polícias com caçadeiras na mão não me parece nada pedagógico, nem acho que resolva o problema. Há que chegar à sua raíz. Exclusão social? Como se resolve, após anos e anos de práticas contrárias?
Blogger Noite, at junho 12, 2005 5:36 da tarde  
ANTEONTEM CORUCHE.
ONTEM CARCAVELOS.
HOJE QUARTEIRA.
AMANHÃ NUM LOCAL PERTO DE SI:
Blogger José Viriato, at junho 12, 2005 6:20 da tarde  
Na sexta-feira, apesar da procura, ninguém conseguiu descobrir o António Wally Costa? Onde andaria?...
Anonymous António, at junho 12, 2005 9:29 da tarde  
resolve pois. Protege o Algarve aonde os políticos passam férias e deixam livre o resto. Democracias.
Blogger Assur, at junho 12, 2005 11:07 da tarde  
Olá Elise.

O Dr. António Costa? Quem é esse Senhor? Não é relacionado com o Sr. Paulo Costa, do apito? Ou é relacionado com o Sr. Ricardo Costa, das notícias?

Isto é mais ou menos como na I República, os ditos "Ministros" entram e saiem, ninguém dá por nada.....mas como diz a "Menina Marota"...e com razão...isto só são pequenos avisos....porque depois vem a REACÇÃO (seja isso o que quiserem), como diz o Dragonesso.

Li, há umas semanas, que o Sr. José Manuel de Mello, dizer que se sente deprimido ....quando regressa a Portugal. O problemas deste e de outros Senhores, é que só sabem ganhar dinheiro aqui, aonde o "nome" é determinante para fazer fortuna....e se eles se "arregimentam"! E a Europa está como diz Don Felipe Gonzalez, num terramoto, de grau 5, ou de grau 8!
Anonymous Jose Sarney, at junho 12, 2005 11:46 da tarde  
1. Em Carcavelos: pouco mais de 10 indivíduos é que participaram nos furtos. Testemunhas oculares, de "ambos os lados" (que, curiosamente não foram citadas nos media...) foram peremptórias em considerar ter havido um "aproveitamento marginal" de um encontro estival de dezenas de jovens de origem africana.

2. Em Quarteira: a própria GNR desvalorizou os acontecimentos e não estabeleceu nenhuma ligação com os de Carcavelos (ao contrário do ventilado por alguns media).

3. Os acontecimentos de hoje, na linha de Sintra, são infelizmente comuns, não tendo (também!) qualquer ligação aos verificados em Carcavelos.

Uma interrogação: a quem serve a instigação de climas de insegurança e medo?

Uma preocupação: é preciso ser firme no combate a actos delinquentes, mas sempre numa perspectiva ressocializadora!

Só quem nunca saiu deste cantinho é que não sabe que, pesem embora alguns fenómenos preocupantes, Lisboa é uma das capitais mais seguras da Europa.
Anonymous Anónimo, at junho 13, 2005 9:59 da tarde  
3. Os acontecimentos de hoje, na linha de Sintra, são infelizmente comuns, não tendo (também!) qualquer ligação aos verificados em Carcavelos.

Têem ligação sim: têem em comum a identidade racial dos seus autores, mostrando, à saciedade, o resultado da imigração vinda de África.
Blogger Caturo, at junho 14, 2005 1:35 da manhã  
Todo a acto deliquente e vandalismo são de sanear. E eu pensei que vivia num paraíso à beira mar plantado!!! Urge fazer algo, a começar pelos bairros das nossas cidades, trabalho mesmo nas traseiras de um, e sei bem os problemas que enfrento diáriamente. será que pegar nesta gente toda e metê-la toda junta em "caixotes" é a solução?? O desemprego, a falta de ocupação desta juventude é um problema que ameaça ser cada vez mais devastador para a nossa sociedade. Eu que sou por norma positiva e optimista, estou um pouco relutante.. a ver vamos...
Anonymous maresia, at junho 14, 2005 9:33 da manhã  
A minha casa foi assaltada duas vezes. Os assaltantes são brancos. É o resultado da imigração de onde, ó caturo (ou caturro?!)?
Anonymous Anónimo, at junho 14, 2005 5:51 da tarde  
Pois, o "Caturo" coberdolas calou-se... É típico dos bardamerdas!
Anonymous Canibal, at junho 22, 2005 2:03 da manhã  

Add a comment

Links to this post:

Criar uma hiperligação