sexta-feira, novembro 04, 2005

"Apadrinhar, para ensinar a pescar"

Escrito por Elise às 12:30 da tarde

2 Comments:

Fiquei sensibilizado há dois dias quando soube. Os meus filhos entusiasmados.

Mas... Não acredito em ONG's. Por razões que não interessam agora, sendo a principal o exacerbar artificial de instintos caritativos, para alguns se aproveitarem da generosidade de outros. Queira Deus que assim não seja neste caso.

Investiguei sumariamente. As Religiosas que estão no terreno e que poderiam suscitar a minha confiança, não são as detentoras da "patente". Conforme está descrito, as religiosas recebem o donativo (de forma não concretizada) através de interposta organização.

A operação é sustentada por uma Ong - a Apoiar - em cujo site não consegui aceder a uma morada, a um nome concreto de pessoa, a nada que me permita saber a quem é que vou entregar o dinheiro e que me ofereça garantias de o ver aplicado no devido destino.

Peço desculpa por ser tão frontal, mas se o projecto é sério - e queira Deus que o seja - a tal Apoiar que se identifique, diga onde está e quem são. Para eu poder obter informações sobre a respectiva idoneidade.

Parece que ninguém pode ficar ofendido com esta minha reserva, pois quem é sério apresenta-se de peito descoberto e sujeita-se a uma natural sindicancia por parte dos candidatos a benfeitores.

Isto tudo porque os meus filhos me mandataram para efectuar um apadrinhamento. Só que quero saber como é.

E a transparência é uma coisa muito bonita.

A chamada de atenção é também para os bloguistas que cheios de generosidade estão a divulgar um conceito que eles próprios não podem garantir.

Ou seja, vamos todos com calma.

E se, a final, o assunto for mesmo sério, optimo. Estas minhas reservas só terão servido para reforçar essa seriedade.
Anonymous carneiro, at novembro 04, 2005 1:32 da tarde  
compreendo-te carneiro. eu pessoalmente confio nos missionários combonianos:

http://www.combonianos.pt/default.asp?id=4
Blogger Elise, at novembro 04, 2005 1:51 da tarde  

Add a comment

Links to this post:

Criar uma hiperligação