segunda-feira, novembro 07, 2005

Violência em Paris (8)

Escrito por Elise às 2:08 da tarde

11 Comments:

o meu medo é que isto ainda seja para durar: O Sarkozy é o homem a abater...sendo o concorrente directo de Chirac(se voltar a canditar-se)para as presidenciais...digamos q eles n sao la muito amigos!!!! O Chirac ja tentou por varias vezes colocar o Sarkozy em situaçoes menos confortaveis para abalar as estatitiscas q lhe eram favoraveis. So tenho pena que o Sarkozy tenha cometido a gafe de chamar de "escumalha"às pessoas q moram nos suburbios. Eu entendo que ele n quizesse fazer generalizaçoes...mas soou a tal...barril de polvora perto de faúlhas
Anonymous Mónica, at novembro 07, 2005 2:24 da tarde  
os barris de polvora estavam com os rastilhos prontos a serem acesos e [as tantas o chirac proibe a utilizaçao de simmbolos religiosos por parte dos muçulmanos e ainda mais as tantas o outro jovem chamou escumalha aos imigrantes... puuuuum... ora entao um grande bem haja
Anonymous Insolente, at novembro 07, 2005 2:47 da tarde  
Quando vamos a um país árabe, não somos obrigados a respeitar as regras deles (mulheres tapadas e sem mini-saia)? Por que carga de água é que eles não podem cumprir as nossas leis? Não estamos nos nossos países?

Depois há esta esquerda a sonhar com a total anarquia.
Blogger Assur, at novembro 07, 2005 4:26 da tarde  
Na Belgica também houve confusão. Não consta que o minitro tivesse chamado nomes a alguém.

Na Holanda o realizador foi assassinado por estar a usar o seu direito de liberdade de expressão.

Encontrar diesculpas é fácil mas tem o efeito contrário.
Blogger Assur, at novembro 07, 2005 4:29 da tarde  
pois! que posso eu acrescentar? quem não tem culpas no cartório que atire a primeira pedra. beijos
Blogger gato_escaldado, at novembro 07, 2005 4:40 da tarde  
é quem não tem culpas.. infelizmente eu trabalho bem perto de bairros no Porto e sei bem como são as coisas. A culpa não é só dos vários governos, é também das familias que não educam, da droga, da inércia de quem tudo vê e nada faz, dos que se escondem por trás da máscara de serem "coitadinhos". Por este mundo o que mais existem são barris de pólvora à espera que lhes acendam o rastilho. Enfim, a ver vamos onde isto vai parar...
Blogger maresia_mar, at novembro 08, 2005 11:09 da manhã  
... mas quem paga são os desgraçados que vêem o seu património a arder...
Um abraço triste, de toda esta confusão, que espero, não alastre por qualquer vento maléfico para o nosso "cantinho" à beira mar plantado...

Uma boa semana :)
Blogger Menina_marota, at novembro 08, 2005 2:36 da tarde  
Passei para deixar um beijo ;)
Blogger Poesia Portuguesa, at novembro 08, 2005 2:37 da tarde  
O caso está muito mal e com tendências a piorar se ninguém fizer algo. Embora acho que não se alastre até Portugal como alguns jornalistas bem queriam.
;)
Blogger pisconight, at novembro 08, 2005 5:46 da tarde  
Heya Elise,
Long time no speak! I got new job, I haven't been around, so sorry for not writing to you.
Did you hear about the foiled terrorist attacks in Melbourne and Sydney? It makes me scared and disgusted that these attacks are being coordinated by Australian citizens - people who came to Australia to escape from the violence of their own countries, and now they wish to spread their fundamentalist ideas here! Our tolerance, whilst what makes Australia a great place, also makes us a target for aggressors. It really sucks. I guess we are too used to seeing all the attacks happen in other countries. How's it all in Portugal? Any riots?

Miss ya!
G
Blogger mrlederhosen, at novembro 09, 2005 4:27 da manhã  
mónica, julgo que Sarkozy chamou escumalha aos delinquentes. apenas e só aos delinquentes.

insolente, a lei do véu foi um mal necessario. nas escolas públicas de relatos intra e inter religiosos eram avassaladores. muçulmanos contra judeus, muçulmanos contra muçulmanos (porque algumas raparigas não usavam o hijab, ou porque outros muçulmanos não cumpriam o ramadão). foi o mal menor. e se querem usufruir de valências do estado, têm de se submeter. tal como os cristãos e os judeus se submeteram.

assur, eu defendo tolerância zero com delinquentes, sejam eles de que raça forem. isto tem de parar. e há que admitir de uma vez por todas que o Islão é incompatível com os valores ocidentais. Especialmente o islão radical que é ensinado nos ghettos.

Maresia, é a tal questão dos bairros sociais que se tornam em ghettos. e são bairros onde a maioria é de raça branca, não é?

Psiconight, será uma questão de tempo. Felizmente o islão não será um factor.

mr, i will stop by at your blog today!!

beijos à menina e à poesia e ao gato!
Blogger Elise, at novembro 09, 2005 4:05 da tarde  

Add a comment

Links to this post:

Criar uma hiperligação