terça-feira, fevereiro 21, 2006

"A importância da denúncia"

Escrito por Elise às 12:36 da tarde

7 Comments:

Complicado como tudo o que deveria ser simples neste país. boa tarde Elise. vai-se, é do frio. bjinho.
Blogger spartakus, at fevereiro 21, 2006 1:04 da tarde  
as melhoras spartakus.
Blogger Elise, at fevereiro 21, 2006 2:32 da tarde  
Isto é deveras dramático.. ainda deu na TVI uma reportagem "silêncio dos inocentes" fiquei doente, credo, as coisas que se fazem neste país, ou melhor que não se fazem, a inércia dos serviços sociais é de bradar aos céus.. enfim... resta-nos a esperança de que.... Bjhs
Blogger maresia_mar, at fevereiro 21, 2006 4:04 da tarde  
...
Anonymous d, at fevereiro 21, 2006 4:38 da tarde  
maresia, não podemos confiar na burocracia do estado. pais, professores, deveriam unir esforços, estabelecer parcerias com centros de saúde, juntas de freguesia, PSP, GNR... fazer um esforço colectivo para que as comunidades estejam atentas aos sinais de abuso de crianças, idosos, mulheres, homens (também há vítimas masculinas) e ajudem a denunciar os casos.

a sociedade portuguesa na globalidade está longe de valorizar a criança e de se esforçar para que esta realidade mude.
Blogger Elise, at fevereiro 21, 2006 4:58 da tarde  
Querida, este assunto das crianças é algo que me choca tanto e tanto é uma dor que sinto no meu peito cada vez que oiço falar sobre o problemas dos nossos meninos, pessoas que tratam os seus filhos como de principes se tratassem e praticam aberrações com os filhos dos outros caso (Carlos Cruz), doí ouvir dizer que bateram numa criança então quando dizem morreu de tanta pancada uma criança com dois anos, acredita uma angústia percorre e trespassa o meu coração eu fui criança e ainda lembro do medo que tinha, ai meu Deus infelizes que são os nossos meninos.Beijinhos querida
Blogger Adryka, at fevereiro 21, 2006 8:54 da tarde  
Esquecia de te dizer, que muitas vezes a sociedade cívil não faz nada quando vê uma mãe espancar o seu filho na rua, acha que n/ se deve meter dizem "ela lá sabe" que covardia, eu estou-me pouco preocupando para que a pessoa me distrate mas já tenho intervido algumas "bastantes" vezes perante uma situação dessas até ameaçado de chamar a polícia, e confesso nunca vi ninguém fazer o mesmo que eu faço, acho que as pessoas ainda acham que espancar é educar e depois essas mesmas pessoas fazem o seu lameto "falsas"na hora certa nada fazem depois de a criança estar morta ou desgraçada para que serve falar!!! a sociedade cívil é hipocrita.Desculpa amiga mas esse assunto das crianças magoa o meu coração
Blogger Adryka, at fevereiro 21, 2006 9:02 da tarde  

Add a comment

Links to this post:

Criar uma hiperligação